sexta-feira, 9 de maio de 2008

Nas bagagens.. liberdade!



Tô com uma preguiça de fazer as malas. Principalmente porque fazer as malas é o de menos. Tenho muita coisa pra encaixotar e despachar antes de ir embora! Tem roupas que eu nunca mais vou usar, como os casacos, blusas e mais blusas de frio.. e uma bota.. tão bonitinha. :( Vão servir pra uma viagem ao menos...

E meus gatos, deixarei... com uma pena danada! Não que o Marcus vá tratá-los mal, tenho certeza que não, ele gosta mais desses gatos do que qualquer coisa no mundo - que pra quem não gosta de ninguém, já é um avanço! - mas pelo fato dele ser totalmente relaxado com eles.
Medo dele mudar de apartamento e resolver por uma tela na janela só quando um se jogar lá de cima, de deixar o basculante aberto, de não perceber quando eles não estão comendo, fazendo xixi e cocô direitinho, ou de esperar pra ver se o gato "melhora" em vez de levar logo no veterinário... Marcus nesse ponto é relapso. E é pra você ler mesmo! Não adianta só dar carinho, tem que ter responsabilidade!

De resto, estou super-hiper-ultra bem!! De verdade! Sinto que consegui dar o primeiro passo pra um caminho de felicidade, assim espero. E felicidade é algo tão relativo, não necessariamente precisa-se de UMA pessoa pra tê-la, eu achava isso há alguns anos atrás, hoje, graças a deus, penso de outra forma. Minha felicidade hoje é estar em paz comigo mesma. Ter uma vida tranqüila, sem ninguém perturbando, com amigos e minha família ao lado. Recuperar a auto-estima destruída, juntar-me aos antigos amigos, jogar meu baralho, ficar com a família, passear de barco, ir pra Vivenda.. e claro, se eu tiver alguém muito bacana ao meu lado, vai ser melhor ainda!


Arrumar um emprego decente também faz parte dos meus planos... Manaus é um paraíso nesse aspecto e eu não valorizava!! Aqui eu já cheguei a concorrer por vaga de estágio com psicólogos, administradores, contadores formados em boas faculdades daqui de BH, pra ganhar míseros 400 reais.. pra mim tudo bem, mas pra eles, que já terminaram a faculdade, deve ser humilhante! Bom, pelo menos, devem ter sido escolhidos, porque eu não fui! :P
Também existem aqueles subempregos que querem que você trabalhe, sábado, domigo (alternados) e todo feriado pra ganhar no final do mês 352,00 reais (sim, isso existe aqui, pelo menos até o mês passado!).. se for contratado "sobe" pra 388, e aqueles que desligam o telefone na sua cara se você não tiver "experiência comprovada de no mínimo 2 anos" na carteira - pra ser vendedora!! É a realidade daqui, graças a deus, muito diferente lá de cima!

Belo Horizonte não merece isso, é uma cidade muito bacana pra perder tantos profissionais pra outros Estados.

Mas eu to indo embora por vários outros motivos... o principal foi a grande vontade de viver uma nova vida (ou a velha vida), hehehehe... sem choro, nem vela, nem drama e nem a mínima vontade de ficar.

De qualquer forma valeu, não guardo mágoas - porém, quero distância- e ainda tenho umas semaninhas aqui.

:)

Até.

Nenhum comentário: