segunda-feira, 26 de maio de 2008

Filmes

Filminhos do final de semana




Eu sou a lenda

Will Smith (Robert Neville)
Alice Braga (Anna) - sobrinha da Sonia Braga

História de um homem que é imune a um vírus que surge no planeta, criado pelo homem, e acaba com a humanidade. Esse vírus transforma pessoas em "animais" que saem caçando pela noite. Neville procura a cura desta doença fazendo testes em seu laboratório com seu próprio sangue, na companhia de sua cadela Samantha.




Confesso que eu gostei da idéia do filme, mas não do filme. Muita coisa não explicada, como ao aparecimento de uma "brasileira" vindo de barco de São Paulo, com seu filho (filho?) chamado Ethan - uma brasileira com um filho chamado Ethan? - que acha que existe uma colonia de pessoas imunes ao vírus, sim ela acha... não tem certeza, e que consegue chegar nessa vila, de carro, durante o dia, "de primeira", sem conhecer os EUA. Neville estava lá ha tres anos e NUNCA tinha ouvido falar dessa colonia... fora a explicação que ela deu, que foi DEUS quem falou dessa vila pra ela! Forçou.



Um plano brilhante

Demi Moore
Michael Caine


Demi faz uma executiva de uma grande empresa de diamantes, em Londres, na década de 60, que não se sente valorizada em seu cargo, apesar de muito competente, por ser mulher. O zelador da empresa quer ter uma aposentadoria digna e decide fazer um grande roubo com a ajuda de Laura (Demi).


Filme bom, adoro filmes que retratam "crimes perfeitos". Laura apesar de ser uma grande executiva, não é "flor que se cheire", pois já fazia pequenos furtos na empresa. O velho zelador, um homem inteligentíssimo, teve faro em perceber em Laura uma grande parceira, muito mais esperta que seus medos femininos. É um filme legal, mas já vi melhores no genero.



Juno

Ellen Page
Michael Cera


Uma adolescente engravida aos 16 anos e decide dá-lo a um casal que tenha condições de criá-lo, já que não se considera em condições de ser uma boa mãe.



Esse é um filme que eu posso ver toda a semana e não cansar. As músicas são super bonitinhas, cada personagem do filme tem um "romantismo" peculiar e o roteiro foi muito bem feito. É um filme que pode não agradar a todos, pois não possui um final "convencional", do tipo tradicional família feliz, apesar de todos terem resolvido seus problemas da melhor forma possível e sendo sim, muito felizes. Gostei muito da interpretação da Ellen Page e de Michael Cera, que aliás, gosto muito de Superbad, outro filme que ele interpretou muito bem.
Não é uma super produção, mas com certeza, foi um dos melhores filmes que eu já vi este ano.



P.S: Meu teclado não funciona o circunflexo, nem crase... não sei se não está configurado, só sei que não sai de jeito nenhum!!! Foi mal aí...


Beijos!

Nenhum comentário: